12 de dezembro de 2015

Os milagres de todos os dias ...



O nascer do sol;
Uma brisa suave;
Cor do girassol;
Mais um voo da ave;
As flores nascendo;
Crianças brincando;
Rosas florescendo;
Os seres amando.
Na nave da Igreja,
Jesus acolhendo,
Sem olhar quem seja,
A benção descendo.
E Deus nesta hora
Em brilho total,
Resolveu que agora,
Haveria Natal.
Milagres assim,
De todos os dias,
Nos trazem, enfim,
Muitas alegrias.
O Natal é agora,
Bem neste momento,
Pois Deus não tem hora
Para tal evento.
Porque afinal,
É sempre Natal.

Paola Rhoden

0 comentários: